Faça GUERRA contra você mesmo !

“Revesti-vos de toda a armadura de Deus, para poderdes ficar firmes contra as ciladas do diabo.” Efésios 6:11

soldados-iraque-eua-ap-20100923-G

 

É engraçado ver no que uma vida com Cristo se tornou. Atualmente existe um segmento que tem ganhado muita força por todo o mundo que se chama o Evangelho da Prosperidade, onde o apego material é ligado à comunhão espiritual. Não sei como eles conseguem essa proeza. Existe também a teoria de que Jesus só quer o coração, mesmo que eu continue com a minha vida antiga, Deus só quer me ver naquele dia de culto sentado no banco da igreja ouvindo uma mensagem, cantando louvores de ritmos diversos, sem ao menos ser feito o filtro de qual tipo de sonoridade adequada ao respeito e temor dado ao nosso Deus. Ser crente atualmente é algo muito fácil!

Mas Deus não quer meros crentes em seu trabalho. Deus deseja homens e mulheres que, além de tudo, queiram se espelhar em Seu Filho, Jesus Cristo. Jesus morreu na cruz por nós, para nos dar a salvação, mas isso não significa que nós estamos automaticamente no céu, pois ainda somos seres inundados de pecado. O sacrifício de Cristo nos tirou da condição de escravos do pecado para soldados contra o pecado. Tem muita gente que pensa que ser um soldado de Cristo contra o pecado é ficar de vigia na vida alheia, observando se alguém vai falhar em sua vida espiritual e aproveitar a oportunidade para julgar essa pessoa pelo erro dela. Esse comportamento é totalmente demoníaco, pois o nosso grande advogado de acusação é Satanás!

Jesus quer que sejamos soldados contra nós mesmos. “Não penseis que vim trazer paz à terra; não vim trazer paz, mas a espada” (Mateus 10:34). Uma vida cristã é uma guerra diária contra o nosso ego, contra as nossas vontades carnais, contra  o nosso orgulho, contra o nosso EU. Como qualquer soldado em uma guerra, uma vida cristã exige dedicação e atenção redobrada, pois cada passo pode significar a morte ou a sobrevivência. Nosso inimigo é um hábil estrategista e ele tem ao seu favor a política, a economia, o cinema, a educação, e pasmem, a religião! O número de distrações pelo caminho é grande, e o nosso coração pode ser enganado, mas Deus, em sua Palavra, afirma que “Enganoso é o coração, mais do que todas as coisas, e perverso; quem o conhecerá?” (Jeremias 17:9), e por isso ele nos entregou a vestimenta de guerra mais eficientes do que o melhor equipamento militar do Exercito dos Estados Unidos.

Mas que vestimenta é essa?

  • O colete da Justiça (Efésios 6:14);
  • A cinta da verdade (Efésios 6:14);
  • As botas com a preparação do evangelho da paz (Efésios 6:15);
  • O escudo da fé (Efésios 6:16);
  • O capacete da salvação (Efésios 6:17);
  • O fuzil e a visão noturna da Palavra de Deus (Salmos 119:105; Efésios 6:17).

E contra quem usaremos essas armas? CONTRA NÓS MESMOS! “Portanto tomai toda a armadura de Deus, para que possais resistir no dia mal e, depois de terdes vencido tudo, permanecer inabaláveis.

[…] orando em todo tempo… vigiando com toda perseverança… ” (Efésios 6:13 e 18). Devemos fazer guerra a tudo que faz um acordo de paz com o pecado dentro de nós, uma explícita declaração contra toda a luxúria em nós, todos os desejos escravizantes por comida, álcool, pornografia, dinheiro, exaltação do homem, seguir a maioria, poder, fama… 

Mas você pode até se fazer essa pergunta: “Mas o nosso maior inimigo não é Satanás? A guerra não seria contra ele diretamente?” O importante a ser lembrado é que Satanás só trabalha dentro de nós se nós permitirmos sua entrada por meio do pecado. E, como somos pecadores, a guerra é pessoal e íntima. Deus nos deu as armas, Deus nos deu o maior exemplo, Jesus Cristo. Nos basta apenas a comunhão, a coragem e a personalidade para vencer essa guerra. O pecado pode até vencer alguma batalha em sua vida, mas não desanimemos e nem aceitemos a derrota, mas sim nos apoiemos na força e no poder de Deus durante toda essa jornada até a nossa vitória, com a volta de Jesus Cristo!

By | 2016-11-06T18:21:30+00:00 abril 3rd, 2014|blog| Comments